terça-feira, 19 de junho de 2012

Tempo em Seberi...

"A vontade de Deus nunca irá leva-lo onde sua graça não irá protegê-lo..." 
(TENHO VIVIDO ESSA REALIDADE DE DEUS EM MINHA VIDA!!!)

Olá meus queridos! 

É com muita alegria que venho compartilhar com vocês as bençãos do Senhor em minha vida nesse tempo em que estive em Seberi, foi um tempo poderoso de Deus.

Pude ali, participar da vida comum do vilarejo, conhecer alguns costumes, um pouco mais a cultura, e também perceber o quanto esse povo é carente de nosso Senhor, percebi também o quanto somos privilegiados, por termos uma só língua em nosso país, aqui as crianças desde cedo ouvem e aprendem a língua materna, que geralmente é Zerma, Haussa ou fofoude, no caso de Seberi é o Zerma, ai quando vão pra escola aos seis anos são alfabetizados em Francês, e aprendem a língua muitas vezes superficialmente, e por isso as vezes, o que leem não faz sentido pra eles, acho que pra realmente alcançarmos seus corações seria necessário uma alfabetização na sua própria língua, principalmente dos adultos, uma vez que muitos são analfabetos, pra realmente entenderem do que a Bíblia fala, já que a maioria dos muçulmanos se convertem com um contato direto com a Palavra, é impossível não se compadecer vendo tantos caminhar por caminhos de trevas e tão alheios a salvação. 

Nesse período, a alergia ao calor estava atacada no meu rosto...É...faz parte!
Uma carrocinha de burro pra ajudar com as bagagens!!!
Filinha básica para pegar água
Que vida difícil dessas mulheres que fazem isso todos os dias!
Admito que não aguentei muito tempo com esse balde na cabeça não..rsrsrs
Nesse período em Seberi também tive a oportunidade de me voluntariar no Hospital de Kollo, lá foi um período muito bom, de contato com minha profissão e grande aprendizado, é um hospital sustentado por ajuda internacional, e tem um programa de nutrição e acompanhamento das crianças, e estive trabalhando no acompanhamento dessas crianças. Além disso trabalhei no setor de obstetrícia, pré natal e parto (até um parto eu pude fazer lá!!). Como essas mulheres aqui são fortes! O parto não tem anestesia alguma, e ainda assim, sempre querem mais filhos.... heheheheh... a média aqui é de seis por mulher, e a quantidade de gêmeos aqui é impressionante! Nesses seis meses já vi mais gêmeos que em toda minha vida no Brasil... rsrsrsrsrsrs, nessas duas semanas mesmo em kollo, eu vi um parto de gêmeas duas meninas, nasceram bem, graças a Deus!

Nosso quarto..Nesse calor é impossível dormir dentro de casa!
Hospital de Kollo..dia bem ocupado!
Sage Famme, um tipo de enfermeira obstétrica
Conscientização para as mães de crianças mal nutridas 
Bem no meu último contato, falei sobre o Jader e sua família, que já está no Brasil, e fizeram boa viagem graças a Deus. Sua mãe já fez a cirurgia, e passa bem! Também falei sobre a Janete e Lélia que estavam aqui por um período de oração e busca de direções, bem elas já têm a resposta e estão sendo guiadas por Deus. A Walquiria está bem melhor, graças a Deus, todas as dores que sentia já passaram. Agradeço de coração todas as orações que subiram ao trono de Deus por esses queridos, Deus já tem respondido cada uma delas.

Bem... trouxe de Seberi também a picadinha do mosquito da Malária, infelizmente não escapei dessa experiência, mais graças a Deus, não apresentei sintomas exagerados, somente um cansaço, e dores de cabeça, mais já estou terminando o tratamento, e os sintomas já passaram. Obrigada pelas orações que vocês tem apresentado a Deus por minha vida, elas tem realmente me sustentado nesse lugar.

Abaixo mais algumas fotos desse precioso tempo em Seberi.

Que Deus os abençoe com paz

Um grande abraço,
Mirian Fidêncio Félix
Servindo ao Senhor no Níger em Missões.

Tempestade de areia chegando
E a última foto! Agora é correr pra dentro de casa e fechar tudo!

Depois da tempestade e sem chuva, o dia fica assim...laranja
Tomando banho no coto...um canal de água que vem do rio

Lindas!

O fundo o campo de arroz do Vilage
Fazendo farimassa pra vender


Talibê comendo receoso que seja visto pelo Marabu
Padaria no Marché de Kolo

Um comentário:

  1. Lindo seu testemunho do tempo em SIBERI. Eta saudade..

    ResponderExcluir